20 de maio de 2010

Estratégias de aprendizagem



Definições:

Para Rigney (1978) São operações e procedimentos cognitivos utilizados para adquirir, reter e recuperar diferentes tipos de conhecimento e desempenho.
Gagné (1980) Capacidades internamente organizadas que orientam a aprendizagem e,quando desenvolvidas, o qualificam como auto aprendiz.
Warr e Bunce (1995) São atividades de processamento de informações usados por aprendizes no momento da codificação, com a finalidade de facilitar a aquisição, armazenagem e subseqüente recuperação da informação aprendida.
Pozo (1999) Procedimentos que se aplicam, de modo controlado, dentro de um plano projetado deliberadamente com a finalidade de alcançar uma meta fixada. Elas requerem planejamento e controle de sua execução.

Warr e Allan (1998) Classificão as estratégias de aprendizagem em :

1) Cognitivas 2) Comportamentais 3) Auto – reguladoras

1) Estratégias Cognitivas:

a) Repetição mental
b) Organização
c) Elaboração

2) Estratégias Comportamentais

a) Procura de ajuda interpessoal
b) Procura de ajuda de material escrito
c) Aplicação prática

3) Estratégias Auto – regulatórias

a) Controle emocional
b) Controle motivacional
c) Monitoramento da compreensão

Questões FMS – Piauí 2010

25. As estratégias comportamentais de aprendizagem são:

(A) controle emocional, procura por ajuda interpessoal e aplicação prática.
(B) procura por ajuda interpessoal, procura por ajuda de material escrito e aplicação prática.
(C) controle motivacional, controle emocional e aplicação prática.
(D) repetição mental, controle motivacional e controle emocional.
(E) procura por ajuda interpessoal, repetição mental e elaboração.

26. São atividades de processamento de informações usadas por aprendizes, com a finalidade de facilitar a aquisição, a armazenagem e a recuperação de informação, envolvendo processos manifestos e ocultos e variando entre indivíduos e situações.

(A) Estratégias comportamentais de motivação.
(B) Locus de controle.
(C) Estratégias de aprendizagens.
(D) Estratégias auto-reguladoras.
(E) Estratégias de aprendizagem cognitivas.


Referência:

Pantoja, M. J., & Borges-Andrade, J. E. (2009). Estratégias de aprendizagem no trabalho em diferentes ocupações profissionais. Disponível em http://www.anpad.org.br/periodicos/arq_pdf/a_833.pdf




Um comentário:

Anônimo disse...

Bom dia! Achei seu blog muito interessante. Estou estudando para um concurso na área de psicologia e gostei do material disponibilizado.
Postar questões relacionadas a um assunto comentado ajuda bastante.