11 de outubro de 2008

Psicologia escolar -Diagnóstico escolar

A escola pode ser percebida como um microcosmo social, em que emerge problemas dos mais variados tipos e também um caminho para solução, pois a educação mostra-se como um dos primeiros passos para a construção de uma sociedade melhor.

Segundo Martins (2003) a escola mostra-se como um campo de contradições sócio-culturais e econômicas reflexos da nossa sociedade, a intervenção do psicólogo escolar propicia “a expressão destas contradições através da organização dos diversos segmentos (estudantes, pais, professores, etc.) que participam do cotidiano” , um dos instrumentos do olhar do psicólogo é o diagnóstico escolar.

O diagnóstico escolar refere-se a um instrumento de pesquisa que visa perceber, a escola, os indivíduos, a comunidade escolar e as famílias para que sejam percebidos e avaliados os pontos positivos e negativos e os focos de intervenção a fim de que o psicólogo possa executar um plano de ação, o que corrobora com Winter apud Patto (1984), pois recomenda “a atuação do psicólogo junto ao sistema escolar, o trabalho comunitário e a condução de pesquisas”. No diagnóstico escolar o psicólogo analisa as condições físicas da instituição colocando-se no papel de ergonomista estudando “as dimensões do ambiente escolar que podem diminuir ou aumentar a produtividade de docentes, discentes, técnicos e funcionários” (PATTO, 1984, p. 104), observa-se a estrutura organizacional, recursos humanos, analisando a disciplina na escola, relações entre os segmentos, à rotina escolar demonstrando a função deste psicólogo como um consultor que “oriente e treine professores na solução de problemas surgidos em sala de aula, quer em relação ao ajustamento do aluno às normas da classe, quer em relação ao processo de aprendizagem totalmente dito” (idem, p. 102), além de um especialista educacional que antes de tudo “evita o surgimento de dificuldades” (ibidem, p. 103).

A melhor forma de realizar o diagnóstico é “utilizando-se da metodologia da observação participante” (MARTINS, 2003), tendo acesso ás várias dimensões da instituição – “a sua história documentada e a sua história não documentada” .

Curso de Psicologia Escolar

Referências:

MARTINS, J. B., A atuação do Psicólogo Escolar: Multirreferencialidade, implicação e escuta clínica. Psicologia em estudo, Maringá, V.8, n.2, 2003. Disponível em< http://www.scielo.br/pdf/pe/v8n2/v8n2a04.pdf> acesso em 10 de junho de 2008.

OLIVEIRA, G. C., Psicomotricidade: educação e reeducação num enfoque Psicopedagógico. Petrópolis, R.J., Vozes, 1997,

PATTO, M.H.S. Psicologia e ideologia: uma introdução crítica à psicologia escolar. São Paulo, T.A. Queiroz, 1984.

4 comentários:

Cassandra de sousa disse...

essas coisas sao muito longas nao da pra ler...por isso nao havera comentario

lizandraestudandopsicologia disse...

kkkkkkkkk

Rose Mendes disse...

Olá!
Gostaria de saber se poderia me conceder uma entrevista para completar minha avaliação de pós-graduação.
São perguntas relacionadas à Educação, já que estou cursando Docência do Ensino Superior.
Segue as perguntas e informações que necessito.
Atenciosamente,
Rose

Identificação do psicólogo:
Idade:
Sexo:
Tempo de atuação profissional:
Área de atuação profissional:
Perguntas:
1 - Quais as teorias da aprendizagem que você considera mais importante para a educação?
2 - Qual a sua opinião sobre a Teoria das Inteligências Múltiplas de Gardner e a de Inteligência Emocional de Goleman?
3 - Existe alguma teoria psicológica, mesmo não diretamente relacionada à educação, que você considera importante para o futuro professor universitário?
4 - Como psicólogo, que problema você considera mais frequente na prática do professor universitário?
5 - Você quer dizer mais alguma coisa sobre este tema da aprendizagem no nível superior que você considera relevante?

Seu blog será divulgado como contribuidor!!
Obrigada desde já!

Anônimo disse...

Me gusta el diseño gráfico y la navegación del sitio, agradable a la vista y buen contenido. otros sitios son demasiado llena de suma

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...